sábado, 15 de janeiro de 2011

O Despertar da Magia ( Crónicas de Gelo e Fogo IV) de George R.R Martin


Quarto volume de As Crónicas de Gelo e Fogo, a saga de fantasia mais vendida, elogiada e premiada dos últimos 50 anos, e a única obra de fantasia a conseguir o primeiro lugar do Top do New York Times.
Esta é uma saga de grande fôlego, que vai buscar à realidade medieval a textura e o pormenor que conferem dimensão e crueza a um universo de fantasia tão bem construído que faz empalidecer a Terra Média de Tolkien. Martin é um especialista na manipulação
das expectativas dos leitores e, profundo conhecedor do género, não deixa de estender sucessivas armadilhas com as quais desarma os tropos que o leitor pensa reconhecer a cada página. O épico de fantasia que toda a Fantasia Épica gostava de ser.


A MINHA OPINIÃO:
O Despertar da Magia é a segunda parte do volume original Clash of Kings. Se A Fúria dos Reis, a primeira parte, foi brilhante, esta foi absolutamente e inacreditavelmente melhor! A guerra entre reis continua... e todos são peões e mestres neste jogo de poder. Porém, a magia chegou... Adormecida, ela despertou e irá apanhar os mais incautos de surpresa!Neste volume, houve mais: luta, sangue, premonição, vida, morte, traição, argúcia e sobretudo, mais das fenomenais personagens de GRRM! Foi um folhear de páginas frenético, queria mais e mais e embrenhei-me tanto na história que quase conseguia ouvir os gritos da guerra! Susti a respiração, o meu coração acelerou e fiquei intrigada. Em suma, fiquei à mercê da genialidade de Martin, mas também da sua crueldade e ousadia. Ninguém trata as personagens como George Martin! Nunca sabemos o que esperar ou que encontrar na página seguinte! Existem personagens que amamos e outras que amamos odiar e isto, sem nunca, nunca perder o interesse pois, de um momento para momento, elas mudam e ficamos boquiabertos com as suas atitudes! Continuo a adorar os Stark especialmente, Arya e Bran. Neste livro, Arya vê-se confrontada com decisões difíceis e Bran com a realidade de sonhos que ele julgava impossível. Sansa Stark está também a revelar-se e mal posso esperar, para saber o que o autor lhe reserva no futuro. Tyrion Lannister é bem, Tyrion Lannister! Com seu charme, inteligência, ele cativa o leitor e, apesar de, algumas decisões de moralidade dúbia, não consigo deixar de gostar dele. Sandor Clegane é daqueles personagens que me fascinam e, embora não tenha tido ainda um capítulo dedicado a ele, espero que isso aconteça em breve. E para lá da Muralha está Jon Snow, que cada vez me intriga mais com o seu misterioso nascimento e a sua luta para deixar a sua marca no mundo! Danaerys e a sua estadia na Casa dos Imorredouros foram dos capítulos mais misteriosos mas, ao mesmo tempo, mais reveladores, isto, assumindo que as conclusões que tirei sobre a profecia do princípe prometido são as correctas. Provavelmente, não... conhecendo George R.R Martin como conheço, ele vai tirar alguma da manga e fazer com que o meu queixo caia mais uma vez! Podia escrever um texto interminável com tudo o que adoro nas Crónicas, particularmente, neste livro. Teria só elogios e um rol quase infinito de personagens marcantes cada um à sua maneira! Esta saga está mais que aconselhada para amantes do fantástico ou, simplesmente, para amantes de excelentes histórias imbuídas numa vasta e magistral história!
7/7- OBRA PRIMA
MAIS UM TRAILER DA SÉRIE TELEVISIVA:

video
PS: A sinopse que encontrei para este livro diz o mundo criado por GRRM faz empalidecer a Terra Média. Não sei se concordo muito com essa afirmação! A Terra Média de Tolkien terá sempre um lugar muito especial no meu coração ;)... mas Westeros também. Não me obriguem a escolher entre eles!:p

4 comentários:

  1. Olá Jojo!!!
    Ainda bem que estas a gostar de Martin!!! E prepara-te que o melhor ainda aí vem!

    (É esquisito estar deste lado, ainda me lembro quando me diziam isso a mim xP)

    Alguma personagem particularmente detestável?

    ResponderEliminar
  2. Olá Estrela:)!!!
    Estou a adorar Martin!!!

    Personagem detestável...humm... olha o Joffrey tira-me do sério, rapaz mais irritante e estúpido!
    O Theon Greyjoy e a Rainha Cersei são daquelas personagens que amo detestar! Não sei se me percebes... Não gosto delas mas ao mesmo tempo percebo-as... sim eu sei é estranho e dúbio mas não consigo evitar!:p

    Bjinhos*

    ResponderEliminar
  3. O Theon Greyjoy e a Rainha Cersei são daquelas personagens que amo detestar! Não sei se me percebes... Não gosto delas mas ao mesmo tempo percebo-as... sim eu sei é estranho e dúbio mas não consigo evitar!

    Percebo-te completamente xD É isso que também considero brutal em Martin, essa sua capacidade de nos agarrar às personagens e nos pôr do outro lado, levando-nos apesar de todo o ódio a percebe-las :D

    Ah, O Joffrey... Pois, percebo-te! mas tens mesmo de ler o resto!... *riso maléfico*

    Estou desejosa que chegue Abril! (e o Dance também não calhava nada mal ser para breve)

    ResponderEliminar
  4. E queria mesmo ler os restantes. Até porque já tenho umas teorias acerca das visões da Dany e do Theon, para ver se confirmam!:p
    Sem esquecer uma teoria mirabolante ( ou não..) que tenho sobre o Jon Snow!...
    Mas agora não os posso ler por três razões: primeiro, tenho exames e tenho a certeza absoluta que se os começasse a ler não descansava enquanto não os acabasse; segundo, não sei se aguento tanto tempo à espera que saia o Dance ( que pelo vistos vai sar em breve); e terceiro, não tenho os volumes seguintes comigo, estão na minha santa terrinha, que só vou voltar a ver no Carnaval-.-!

    Bjinhos e boas leituras*

    ResponderEliminar