segunda-feira, 19 de abril de 2010

Actualização dos Devaneios...















Olá meus queridos!!! Confusos com as imagens? Não fiquem. São mais um devaneio meu! Estas flores são algumas das que brilharam na Festa da Flor aqui no Funchal. O renascimento de uma ilha que foi fustigada pela intempérie mas que não desistiu e foi à luta. Muitos turistas estavam pasmados com a capacidade de recuperação insular. Eu porém, não me abismei com esta resposta. Afinal, somos descendentes de Viriato, portadores orgulhosos do sangue português!
Relativamente, as minhas leituras... estou a demorar mais do que gostaria a ler O Doente Inglês. O livro não tem culpa nenhuma, é brilhante! Todavia, a sua leitura é morosa. Direi a todos que sinto muito aquelas palavras. Não tenho andado muito bem e ler o livro "custa-me"! Já vos aconteceu? Ideias para ultrapassar este entrave, têm? Eu agradecia. Até porque com os outros livros menos complexos não tenho tido problemas. Estou quase a acabar o Segredo do Alquimista e conto publicar a minha opinião em breve.
Tenho outro desabafo a fazer... porque é que não encontro mais livros de autores portugueses contemporrâneos nas livrarias? Depois de ler as entrevistas e publicações que a minha amiga Morrighan fez no seu blog... procurei, às vezes, em vão alguns dos títulos nas livrarias. E quando os encontrava estavam num cantinho obscuro!
A propósito, Morrighan estás a fazer uma excelente divulgação da literatura portuguesa. Muitos parabéns!!!
Bjokas a todos e uma boa semana!:)
.
Jojo

14 comentários:

  1. Eu sou da mesma opinião. Quase não se encontram livros de escritores portugueses contemporâneos! Encontrei agora "O Escolhido" de Samuel Pimenta, que estou a ler de momento, mas tem sido bastante difícil encontrar tais livros =(

    ResponderEliminar
  2. Olá jojo.
    As fotos são lindas... adoro flores :)
    Obrigada por as partilhares.

    Bjinhos

    ResponderEliminar
  3. Jojooooo!

    Que bom que por aí está-se tudo a recompor!
    Muito obrigado pelo elogio =)
    Vou fazendo o que gosto e o que acho que vale a pena :)

    Um beijinho grande e tudo de bom!!!

    ResponderEliminar
  4. Aqui em casa tenho vários vasos de orquídeas quer amarelas, quer vermelhas escuras, como as que fotografaste, que vieram precisamente daí, da Madeira, há muitos anos atrás.
    Apesar da minha alergia a pólen, sou uma apreciadora de flores, principalmente de orquídeas. Fico feliz por ver a Madeira a recompôr-se da desgraça que aconteceu e a mostrar ao mundo as suas belezas naturais.

    ResponderEliminar
  5. Sim fiquei confusa ao ver tanta flor, mas depois chegou a elucidação! :)) Muito bonitas! Vi algumas imagens da festa da flor na tv, mas bem sei que ao vivo ganha outra dimensão e cor!
    Fico contente em saber que as coisas já estão a voltar ao seu lugar e que a Madeira continua a encantar com as suas belezas naturais!
    Como está o tempo por aí? Estou a pensar ir uns dias aí, no final da próxima semana, mas estou ainda reticente, pois pelos os algarves o tempo não tem estado muito certo...

    Quanto à questão da leitura morosa, não tenho assim nenhuma ideia para te ajudar. A não ser que deixes um pouco esse de parte e leias por agora um mais levezinho.

    A literatura lusófona fica sempre num cantinho muito escondido nas nossas livrarias. E há autores que te custa a encontrar... Ou simplesmente nem têm nas suas prateleiras... :( Também a realidade é que é pouco procurada.

    Boas leituras e espero que voltes à tua boa forma!

    ResponderEliminar
  6. Olá!

    Muitos Parabéns!!!! (não estou enganado, pois não?!)

    As flores são lindas!

    Beijos Enormes!!!

    ResponderEliminar
  7. Olá...

    Obrigada a todos pelos comentários, pelas vossas opiniões e pelo vosso apoio.

    Goldalsky,
    Eu ando à procura do Senhores da Noite de Carla Ribeiro mas não o encontro:(. Depois fiquei muito frustada por encontrar os livros dos nossos autores num canto esquecidos.

    Mira,
    se vieres cá, ofereço-te umas orquídeas que temos cá em casa. Assim ficas com a essência da Madeira em casa:).

    Morrighan,
    os elogios ao trabalho que desenvolveste não são demais!

    Isabel,
    tens uma parte da Madeira aí em casa. Que engraçado! Eu adoroa as orquídeas e uma flor que temos cá (não sei se há aí) que da mesma família, o sapatinho, a última foto. A minha mãe passou-me este gosto.

    tonsdeazul,
    ver a festa da Flor ao vivo é sempre mais "saboroso". Somos invadidos pelos cheiros, as cores...lindíssimo! Só vivenciando...
    Quanto ao tempo por aqui, tem estado um bocadinho instável.Tanto temos dias radiosos como dias cinzentos.Mas para o final da semana irá melhorar segundo os meterologistas.

    Acho que vou seguir o teu conselho e apostar nos livros mais levezinhos por enquanto.

    Ana
    obrigada:) estou a ficar velhota:P!

    Carla, eu também disse isso quando as vi!!!

    Bjinhos e boas leituras*

    ResponderEliminar
  8. Obrigada, Jojo. :) Ainda não nos decidimos se vamos para já ou se deixamos para Junho/Julho. Para ti quais são as zonas a não perder para quem não conhece a Madeira?

    Sem dúvida que ao vivo as coisas têm outro sabor e essa festa deve ser lindíssima! Eu gosto muito das festas da minha região (Minho), aqui nos algarves não há tanta festa em que junte muito povo, mas no Norte é sempre uma loucura. Gosto especialmente da festa do Pinheiro, em Guimarães.
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  9. Olá!

    Passámos pelo teu blogue.

    Pelo que vimos és o tipo de pessoa que procuramos.

    Temos um fórum de discussão e uma webzine literária online: são espaços abertos à discussão saudável sobre livros, escrita, por aí…
    Achamos que também tens algo a dizer.

    Deixamos-te os links, passa por lá, deixa a tua marca e passa a mensagem!

    http://lit-zine.blogspot.com – webzine literária

    http://www.topfreeforum.com/litzineforum

    ResponderEliminar
  10. Que imagens tão lindas!
    Eu visitei a Madeira há alguns anos e realmente o que recordo são as cores da ilha, das flores, do mercado.
    Quero muito voltar a dar a conhecer a ilha à minha filha :-)))

    ResponderEliminar
  11. Olá de novo!

    tonsdeazul,
    a zona norte da Madeira é muito bonita. A Laurissilva e as levadas são excelentes para quem quer fugir ao quotidiano. Mas o Funchal também também os seus encantos. Eu gosto muito da freguesia do Monte. Tem jardins belíssimos. A própria baía do Funchal é muito bonita.
    Aconselhava-te a fazer uma levada, uma das que tem menos risco: a do Rabaçal. Caminhamos por entre a Laurissilva até chegar a um anfiteatro cheio de quedas de água: as 25 fontes. Mas claro que para a fazeres tem de estar bom tempo. É engraçado falares em Junho ou Julho porque no finho de Junho ( acho eu) existe o Festival do Atlântico na porto do Funchal. É um espectáculo de pirotecnia com música. Eu fui uma vez e adorei.

    PS: Se vieres cá tens provar a gastronomia e prepara-te para veres mar para todo o lado que vás.

    LitZine,
    vou espreitar; Obrigada pela visita!

    Mãe da Rita,
    traz a filhota para conhecer a minha ilha. Ainda tem as mesmas cores e sabores!

    ResponderEliminar
  12. :) Obrigada pelas dicas, Jojo! Espero então apanhar bom tempo, para poder experimentar essa levada do Rabaçal!
    Beijinhos e espero que as tuas leituras já estejam em grande forma!

    ResponderEliminar
  13. As flores são lindas!!!!
    Ainda bem que apesar do tempo conseguiste desfrutar da festa.
    Muito Obrigada pelo comentário no nosso blog.

    Beijinhos

    ResponderEliminar